Som forte para pouco espaço!
publicado em 01/12/2007


Nem todos os carros são grandes e espaçosos como os sedãs da Mercedes, BMW, Audi ou Volvo. Os compactos e populares, por exemplo, têm pouco espaço para instalar alto-falantes que reproduzam som de boa qualidade. Para isso existem os triaxiais e quadriaxiais. São equipamentos compactos capazes de reunir todas as faixas específicas de som, ou seja, os graves, os médios e os agudos.

O triaxial reúne, ao mesmo tempo, um woofer, um tweeter e um médio. O woofer é a parte do alto-falante responsável por emitir o som grave e o tweeter, por reproduzir os sons agudos que saem do sistema. O triaxial é completado pelo emissor de médios, ou seja, todas as faixas de som captadas pelo ouvido humano estão, separadamente, neste tipo de alto-falante. Já o quadriaxial difere-se do triaxial por possuir um super tweeter, equipamento responsável por captar e emitir um som ainda mais agudo do que o emitido no tweeter normal. Isso dá ao alto-falante qualidade de som ainda melhor, com mais definição e mais "brilho".

Segundo o consultor técnico de som Roseval Mendes Silveira Júnior, a qualidade de som dos alto-falantes triaxiais e quadriaxiais é fundamental para a escolha. "Eles conseguem emitir um som de boa potência e serem compactos. Produzem um som forte que não fica concentrado, um único emissor e ocupam pouco espaço", afirmou Júnior, responsável pela consultoria da Bravox, uma das maiores empresas do País produtoras de alto-falantes.

Para ser um bom triaxial ou quadriaxial, o alto-falante precisa ter um equipamento chamado de poly switch, um resistor térmico que evita danos no tweeter quando o volume do som é muito alto. "Este resistor corta o som quando este é muito alto e evita que o tweeter do alto-falante queime. Mas é bom salientar que nem todas as empresas fabricantes instalam este resistor nos seus alto-falantes", afirmou Júnior. Segundo ele, a única desvantagem do triaxial e do quadriaxial é o preço, que é o mais alto entre os equipamentos não-profissionais.

Normalmente, os triaxiais e os quadriaxiais têm potência RMS, conhecida como "potência real", variando de 25 watts a 60 watts por alto-falante. Os mais vendidos são os ovais que têm diâmetros de 6X9 polegadas. "Bastam apenas dois destes alto-falantes de 60 watts na parte traseira do carro para o som ter uma qualidade excelente e agradar qualquer consumidor. Além disso, o equipamento ocupa pouco espaço", afirmou o consultor técnico.


fonte: AutoZ
 

Compartilhe esta notícia: