Por que cuidar do sistema de escapamento do carro?
publicado em 04/07/2011

Quem já não andou pelas ruas e viu mais de um carro com o escapamento pendurado, quebrado ou furado? Afinal, por que é importante preservar essa peça?

O que é?
O sistema de escapamento do carro foi feito para reduzir os poluentes dos gases gerados na combustão interna do motor. Além disso, o sistema também ajuda a amortecer o barulho desses gases e a descarregá-los em um lugar conveniente no veículo.



Um sistema de escapamento consiste basicamente de: coletor, catalisador (faz o tratamento dos gases), silencioso (faz a absorção do som), e do sistema de tubulações que conectam estes componentes. Estas peças são geralmente fabricadas em aço de alta liga e o peso desse sistema pode variar entre 8 a 40 kg.

Combustão ideal e real
A combustão ideal e completa seria aquela que acontece em um combustível puro e que só produz apenas água (H2O) e dióxido de carbono (CO2). O CO2 é um componente natural da atmosfera e não é caracterizado como poluente, em relação aos gases de escapamento de veículos. No entanto, o aumento de seu volume na atmosfera é uma das causas do efeito estufa e das mudanças climáticas.

A combustão real é incompleta e, além de água e CO2, ela produz também gases tóxicos, entre eles o monóxido de carbono (CO), hidrocarbonetos (HC), óxidos de nitrogênio (NO2), oxidantes e particulados. Todas essas substâncias são altamente prejudiciais porque: reduzem a capacidade do ser humano absorver oxigênio no sangue, em altas doses podem provocar câncer, irritam as membranas mucosas, garganta e o trato respiratório, além de afetar a natureza provocando nevoeiros tóxicos e chuvas ácidas.

Cuide do escapamento
A importância do sistema de escapamento está relacionada principalmente à redução do lançamento desses gases tóxicos na atmosfera. Por isso a necessidade do sistema estar sempre preservado, com todas as peças e com ausência de perfurações. Além disso, o sistema de escapamento também mostra como anda a "saúde" do motor, pelo tipo de fumaça que expele.

Cuide também do motor
Se o motor não estiver bem, ele vai produzir uma fumaça mais tóxica ainda, que nenhum escapamento do mundo compensaria.

Veja a cor da fumaça
Por isso observe a cor do gás (fumaça) do escapamento. Ela pode sair branca, azulada ou preta. Se for branca, tudo bem, mas for azulada ou preta pode indicar problemas.

Fumaça azul pode ser excesso de óleo na câmara de combustão, gerado por óleo demais no cárter ou pelos anéis dos pistões desgastados que dão passagem ao óleo para a câmara de combustão. Fumaça preta pode indicar que o motor está queimando mais combustível do que deveria.

Em qualquer uma destas situações, leve o carro para uma oficina. Pois não há sistema de escapamento que dê jeito nessa fumaça...
Compartilhe esta notícia: