Carro bem limpo tem carroceria sempre nova!
publicado em 17/01/2011




Não é somente o tempo que envelhece e diminui a resistência dos materiais empregados na carroceria de seu carro. A sujeira contribui muito para que carros com poucos anos de idade, pareçam carroças velhas.

Além da péssima imagem para o motorista, a carroceria que não é limpa corretamente irá se desgastar mais depressa e desvalorizar o carro mais do que o normal. Por isso, cuide bem do seu patrimônio, você só vai colher bons frutos desse trabalho.

Limpeza externa
Se você lava o carro em casa ou num lava-jato, é bom sempre seguir alguns detalhes que fazem a grande diferença no resultado final e cumulativo de muitos anos de limpeza:

1 - O carro não deve ser lavado em sol quente. Isso faz com que o sabão seque e provoque manchas na pintura;

2 - Não utilize o jato de água sob pressão diretamente no radiador, pois poderá amassar a aletas e prejudicar seu funcionamento;

3 - O roteiro certo para a lavagem: teto – capô – traseira – laterais – rodas – pneus;

4 - O tipo de escova usada: macia e limpa. Nem sempre isso é observado nos lava-jatos e os riscos na pintura acontecem;
 
5 - Após o carro ser lavado e estar bem seco, a cera deve ser aplicada na pintura em movimentos leves e circulares. Também não deve bater nas partes de borracha e plástico do carro. Ela causa manchas que geralmente não saem;
 
6 - A parte de baixo da carroceria só deve ser lavada com água e sabão neutro;
 
7 - Limpeza do motor: somente se estiver com muita sujeira e uma vez por ano;

8 - Detergentes comuns não devem ser usados no limpador de pára-brisa, pois danificam a pintura;

9 - Rodas de liga-leve possuem a mesma película protetora da pintura da carroceria e precisam do mesmo tratamento dado a ela. Para os pneus somente água, sabão neutro e uma escova firme e macia;

10 - As dobradiças de todas as portas devem ser limpas e revestidas de óleo antiferrugem e vaselina;
 
11 - As borrachas de vedação da carroceria, localizadas nas portas, janelas e capô devem ser conservadas com aplicação de silicone. Se estiverem ressecadas ou com rachaduras a troca é necessária para evitar infiltrações de água e possíveis pontos de ferrugem;
 
12 - Para quem gosta de tuning, tome o cuidado com excesso de adesivos na carroceria. A cola dos adesivos pode danificar a pintura.

Manchas e polimentos
Manchas na lataria depois de muito tempo estragam a pintura e provocam ferrugem. Por isso devem ser removidas e evitadas a todo custo. Manchas de lama difíceis de sair devem ser limpas com querosene e depois a parte afetada deve ser lavada com água e sabão neutro.

De vez em quando é bom dar uma boa polida na carroceria. Faça isso em lugares especializados e com profissionais qualificados. Polimentos à base de teflon e flúor duram mais tempo.

Os pára-choques, depois da pintura, são as primeiras peças da carroceria a mostrar o estado de conservação do carro. A aplicação periódica de silicone ajuda na manutenção da cor e do brilho, mas depois de um tempo também é preciso polir e hidratar a peça numa casa especializada.


Texto: Gisele Galvão, da Equipe MotorClube
 

Compartilhe esta notícia: